Français English Nederlands Português  Bemvindo

 
   
 
A abadia de REIGNY, localizada no município de Vermenton, na Borgonha, foi fundada em 1134, pelo abade Etienne de Toucy, monge de Clairvaux e sob a autoridade de São Bernardo. Implantada num quadro excepcional na beira de la Cure, terra dos Condes de Auxerre e de Nevers, a abadia posta sob proteção do Papa Eugénio III em 1147 foi muito poderosa e próspera na Idade Média, ela acolheu cerca de 300 monges.
Em 1370, o rei da França, Carlos V, pôs a abadia sob sua proteção e, um século mais tarde, em 1493, Carlos VIII transformou-a numa Fundação real. Infelizmente, A Guerra de Cem Anos, os huguenotes e a Revolução francesa acabaram com o bonito edifício que guardou, no entanto, de seu prestigioso passado, vestígios interessantíssimos: o excepcional refeitório cisterciense do século XIV (um dos três que sobram na França) com sua elegante nave de fileira dupla que conservou sua policromia da época, a sala e o dormitório dos monges no qual se visita a enfiada de salões e a sala de jantar que foram restaurados pelos monges no século XVIII e perfeitamente mobiliados, o portão do século XVIII, um surpreendente pombal do século XVII com suas 3500 tocas de barro e suas duas escadas pivotantes.
Dos prédios destruídos, se pode ainda adivinhar os alicerces graças às escavações que permitiram descobrir as bases da segunda igreja abacial construída sob a direção do arquiteto Claude Nicolas Ledoux em 1763 oferecendo assim a envergadura inicial da abadia.
Finalmente, toda a rede hidráulica cisterciense foi conservada com, o que é único, a canalização duma fonte que traz agua no parque de jusante a montante e em sentido contrário da Cure.
Traduction : Jean-Louis DUMAS
Copyright 1128-2009 - atualização : 22/12/2009